Projeto de Fátima Canuto institui o Marco Azul-Marinho

Foto: Igor Pereira/ ALE

Tramita nas Comissões Temáticas da Casa o projeto de lei nº 807/2022, que institui em Alagoas o “Março Azul-Marinho”, mês de conscientização e prevenção do câncer colorretal.

De acordo com o artigo 2º da proposta, de autoria da deputada Fátima Canuto (PSC), durante o período serão reunidos esforços no sentido de conscientizar a população sobre o câncer colorretal, por meio de campanhas informativas e preventivas.

“A presente proposição possui a capacidade de aperfeiçoar o sistema normativo vigente, além de trazer benefícios para a saúde da população”, justifica Fátima Canuto no texto do projeto de lei.Ainda de acordo com a deputada, a proposta tem por objetivo mobilizar e conscientizar a população e os profissionais da saúde a respeito dos riscos da doença.

Para embasar a matéria, a parlamentar apresentou dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), onde estima que em 2020 houve 17.760 novos casos de câncer colorretal em homens e 16.590 novos casos em mulheres.

Nos homens, esse é o terceiro tipo de câncer mais comum. Já em mulheres, é o segundo mais que mais acomete. Em relação à mortalidade, o câncer colorretal é a terceira causa da morte, em ambos os gêneros.